Site Balada CERTA

Drops

Kitsch Club Kitsch Club

10 avaliações

Endereço

Rua Vergueiro, 2676 - Vila Mariana - São Paulo / SP
Tel.: (11) 5083-1400
Site Oficial:www.kitschclub.com.br

Informações

  • Horário: Terça a sábado das 23h às 5h.
  • Preços: Médio: R$20,00
  • Detalhes:
    • Música ao vivo
    • Pista de Dança
    • Acesso para deficientes físicos
    • Estacionamento com manobrista
    • Ar-condicionado

Descrição

A KITSCH CLUB é uma balada recém inaugurada em São Paulo, com proposta artística impressa na decoração, programação musical e atendimento, surgiu da sociedade pra lá de criativa entre Claudia Dib, motociclista, dona de brechó e produtora de TV e Marcelo Szykman, ator e cineasta.



O espaço, intimista, tem capacidade para 300 pessoas e funciona de terça a sábado com programação que inclui: jazz ao vivo (terças), música negra e brasilidades (quintas), rock (sextas) e eletrônico (sábados) - no final do texto, confira a programação completa para o mês de março.



A arquitetura é um projeto conjunto entre a empresária Claudia Dib e o arquiteto Andre Zegas, que também assina outras casas noturnas. Entre os mais de mil mimos da decoração, destaque para o pingüim gigante, mascote da casa, apelidado de Argon. Projeções de clássicos do cinema em super oito, também chamam a atenção dos clientes.



Impresso num vinil compacto, o cardápio traz opções de petiscos e drinks especiais, como o Kitsch Fever, o Cosmopolitan e Marguerita Frozen, entre outros. Os barmans dão um show à parte com adornos mesclados ao uniforme, como chapéus mexicanos e camisas psicodélicas.



Como surgiu



Há nove anos, Claudia Dib é proprietária do Brechó Túnel do Tempo, localizado na Vila Mariana. Lá, além de um espaço para vender peças vintages, garimpadas internacionalmente, criou um charmoso ambiente com estética over kitsch, mesclando colagens a móveis e objetos que marcaram épocas.



Freqüentado por amigos que viraram clientes e vice-versa, o Túnel do Tempo (ainda em funcionamento), virou um ponto-de-encontro diferente, intimista e com qualidade musical. Ali, as pessoas começaram a se reunir para fazer “um som”, discotecar, falar de cinema, arte, moda etc. Um trazia outro, que trazia mais dois, que trazia...



“Ficou pequeno. Então, veio a necessidade de um lugar para estender aquelas noites tão agradáveis e divertidas” explica Claudia. “Assim, nasceu o KITSCH CLUB – um espaço para musicólogos e gente grande”, brinca. “Quando digo gente grande, não me refiro à idade da pessoa, mas a seu estilo de vida e bom gosto musical, conclui.



“Existem poucas opções de casas com proposta artística que vá da decoração à programação. O público mais cult e antenado estava precisando de um espaço assim”, completa o sócio Marcelo Szykman.

  • Kitsch Club - Fotos
    Kitsch Club
    Kitsch Club
    Kitsch Club
    Kitsch Club
    Kitsch Club

Deixe seu comentário :)